Dia 21 – O SACERDOTE ETERNO

0
266

“Jurou o Senhor, e não se arrependerá: tu és um sacerdote eterno, segundo a ordem de Melquisedeque.” (Salmos 110.4)

Algumas pessoas sabem que eu também trabalho no Poder Judiciário. Nesse meio, as audiências de conciliação têm ganhado considerável notoriedade na resolução de conflitos; o papel do mediador é de fundamental importância para que as partes
cheguem a um acordo.

Semelhantemente, na antiga religião de Israel, havia um mediador, alguém que fazia o papel de conciliação entre o adorador e Deus: o sacerdote. Não havia acesso direto a Deus. Os sacrifícios, ofertas e orações tinham de ser mediadas pelo sacerdote. Mas havia um detalhe: o próprio sacerdote oferecia um sacrifício para santificação por si, antes de fazê-lo pelos outros. Havia também uma série de restrições quanto ao que podiam e não podiam fazer, para não se contaminarem e não macularem as coisas do templo, pois eram santificadas. Todas essas regras tinham motivo: Deus é santo e quem o servia deveria ser santo também.

A promessa no texto que lemos diz que o Messias seria também um sacerdote. Foi o que Jesus fez ao interceder em nosso favor junto a Deus. Não existe outro mediador
entre Deus e os homens. Apenas Cristo pode fazer esse papel (1 Timóteo 2.5). Mencionei, há pouco, que o sacerdote humano tinha de oferecer um sacrifício primeiro para si, pois ele também pecava. Jesus, ao contrário, foi gerado sem pecado e permaneceu sem pecar até o fim (Hebreus 4.15).

O Natal marca o nascimento de Jesus, um evento singular na história da humanidade. Precisamos celebrar isso! Mas o bebê ficou na manjedoura só uns poucos dias, pois Jesus cresceu, tornou-se um jovem e, no tempo certo, assumiu o ministério que o Pai lhe havia preparado. Como um perfeito sacerdote, Ele se santificou para interceder por nós. O menino-Deus, nascido em Belém, veio para nos garantir acesso direto a Deus. Não precisamos de outro sacerdote. Não precisamos de intermediários. Ele declara: “Eu sou o caminho, a verdade, e a vida; ninguém vem ao Pai, senão por mim” (João 14.6).

REFLITA E ORE – Jesus veio ao mundo para inaugurar um novo caminho, um novo acesso, direto a Deus. Agradeça-lhe por isso. Você crê em Jesus como ÚNICO caminho, verdade e vida? Não perca tempo. Arrependa-se de seu pecado e creia em Jesus.

CRIANÇAS EM ORAÇÃO – Antes de Jesus nascer, os sacerdotes eram homens que faziam sacrifícios de animais no templo e pediam perdão pelos pecados do povo. Mas a Bíblia diz que Jesus é o maior sacerdote de todos, porque Ele mesmo se sacrificou por nós! Por causa do sacrifício de Jesus, não precisamos mais de ninguém para falar com Deus em nosso lugar. Podemos falar diretamente com Ele! Podemos pedir perdão por nossos pecados, porque Jesus já fez o sacrifício necessário. Vamos fazer isso agora mesmo?