Dia 15 – A ESTRELA DO ORIENTE

0
57

“Vê-lo-ei, mas não agora, contemplá-lo-ei, mas não de perto; uma estrela procederá de Jacó e um cetro subirá de Israel.” (Números 24.17)

Por não se movimentarem, as estrelas serviram como orientação à navegação durante muito tempo, até serem substituídas por meios mais modernos. No texto, a expressão “uma estrela procederá de Jacó” faz referência ao próprio Messias, descendente de Jacó, o pai de Judá, por quem veio o rei Davi e, finalmente, Jesus.

Entretanto, desejo falar da estrela de Belém, vista pelos magos que vieram do oriente. O interessante não é apenas o fato de que uma estrela se movimentou para mostrar o caminho até onde estava Jesus. Chama a atenção o local de onde eles vieram: o oriente, ou seja, a região da Babilônia, considerada uma terra longínqua. Mas como eles sabiam que deveriam seguir aquela estrela? Como poderiam estar aguardando a vinda do Rei dos Judeus?

A resposta é que alguém havia deixado um testemunho firme da Palavra de Deus naquela terra: o profeta Daniel. Ele foi reconhecido por imperadores da Babilônia (Daniel 2.47-49) e da Média-Pérsia (Daniel 6.20-28) como servo do Deus altíssimo. Certamente, Daniel testemunhou de sua fé e contou sobre a promessa de que Deus enviaria um Rei que um dia livraria o povo da escravidão. Séculos depois, aqueles magos receberam essa informação, entenderam que o Rei havia chegado e foram “adorá-lo” (Mateus 2.2).

Que exemplo para nós! Daniel trabalhou na alta corte de dois grandes impérios de sua época, mas nunca deixou de testemunhar. Por consequência, de tão longe fez com que os magos viessem a Belém em busca do Rei Jesus!

REFLITA E ORE – Você tem testemunhado com sua vida e suas palavras? Tem sinalizado às pessoas como encontrar o Rei Jesus? Neste tempo de reflexão, peça a Deus a oportunidade de contar aos outros sobre a esperança que nasceu em Belém e, até hoje, nos traz salvação e vida.

CRIANÇAS EM ORAÇÃO – Quando você ganha um presente maravilhoso, não fica com vontade de mostrá-lo aos amigos e familiares? Jesus é o nosso maior presente, e não podemos escondê-lo dos outros. Precisamos contar a todos a esperança que Ele nos dá. Precisamos mostrar aos que estão a nossa volta, por nossa fala e vida, que pertencemos a Ele. Ore ao Senhor para que, todos os dias, você tenha oportunidades de declarar que quem recebe Jesus recebe também
o presente da salvação.