Uma fé que comoveu Jesus

0
128

“Então Jesus respondeu: Mulher, grande é a tua fé! Seja feito a ti como queres.” Mateus 15.28a

O grande pregador inglês Charles Spurgeon dizia que “uma pequena fé levará sua alma ao céu, mas uma grande fé trará o céu à sua alma”. Essa é uma grande verdade. A fé não é algo que exercemos apenas para confiar em Jesus para a nossa salvação, mas uma atitude que deve nos acompanhar durante toda a vida.

Um dos detalhes que torna a história da mulher siro-fenícia tão interessante é que ela teve uma fé que impressionou Jesus. Quem me dera ter uma fé que o levasse a se maravilhar! Sinceramente, acho que estou mais para aquele pai que suplicou a Jesus: “Ajuda-me na minha incredulidade”. Enquanto a pandemia não termina nunca, parece que nossa fé tem sido testada dia a dia; há momentos que nem sabemos mais o que esperar, não é mesmo?

Por isso a narrativa da mulher siro-fenícia é tão encorajadora para mim e para você, hoje. Com toda certeza precisamos nos espelhar nela para fazer brotar em nosso coração uma fé vitoriosa como a dessa mulher. Mas o que essa fé teve de tão especial, a ponto de ser enaltecida por Jesus? De que forma podemos imitá-la hoje?

Quero destacar dois aspectos da fé dessa mãe. Veja sua resposta: “Sim, Senhor, mas até os cachorrinhos comem das migalhas que caem da mesa do dono”. Os dois aspectos são humildade e ousadia. Como combinar os dois? Não parecem contraditórios? Bem, foi o que a mulher fez.

Em primeiro lugar, ela aceitou a condição com a qual Jesus a comparou – como alguém indigna de receber o melhor, um animal de estimação. Longe de sentir-se ofendida, a mulher reconheceu que aquela era mesmo sua realidade. Ela era indigna de estar na presença de Jesus. Assim também nós devemos estar cheios de humildade para nos colocarmos na presença de Deus com coração contrito e quebrantado, sabendo que não merecemos nem que Deus nos ouça. Tudo é graça.

Em segundo lugar, aquela mãe estava determinada a receber a bênção. Para isso, teve a ousadia de correr até Jesus, parar diante dele e interpelá-lo. Hebreus 4.16 também nos encoraja a ir com confiança perante o trono da graça a fim de alcançarmos misericórdia.

Esses são os dois componentes da fé que Jesus admira: humildade e ousadia. Ao clamarmos por nossos filhos, precisamos de uma fé assim.

Vamos orar para que Deus nos dê uma fé vitoriosa, que seja, ao mesmo tempo, humilde e ousada.

Crianças em Oração – A resposta da mulher para Jesus o deixou impressionado. Ao ouvir Jesus falar que sua primeira preocupação era com pessoas se seu próprio povo, ela não se abalou e disse que qualquer coisa que Ele fizesse para ela já seria bom, mesmo que parecesse só uma migalhinha, como aquelas que caem quando estamos comendo e um cachorrinho fica embaixo da mesa esperando cair para lamber.

Você já fez uma prova na escola e foi tão bem que recebeu um recadinho do professor dando parabéns? Se aquele teste que Jesus fez com a mulher fosse escrito, tenho certeza que ela receberia uma nova 10 de Jesus com um recadinho carinhoso. Ela não só mostrou confiança em Deus, mas também humildade. Mostrou que sabia que sozinha não conseguiria nada.

Ore pedindo a Deus que ajude você a entender como pode confiar mais nele e a continuar aprendendo mais com Ele, mesmo quando você for grande.

#fiqueemfamília