Uma única massa!

0
49

“Da multidão dos que criam, era um só o coração e uma só a alma, e ninguém dizia que coisa alguma das que possuía era sua própria, mas todas as coisas lhes eram comuns “. (Atos 4.32)

A união que Deus realmente quer é do ‘purê’ de batatas, onde haverá não muitas batatas, mas uma única massa de batatas. Essa ilustração foi usada primeiramente pelo Pr. Juan Carlos Ortiz em seu livro “O Discípulo” (1976).

Pr. Ortiz explica o processo do purê – As batatas são recolhidas da plantação e colocadas em sacos. Poderíamos dizer que elas estão agrupadas. Pode ser que estas batatas estejam muito felizes por estarem juntas como irmãs: “Glória ao Senhor, agora estamos todas juntas! Mas elas ainda não são UM”.

Ele continua: Chega a hora em que a dona de casa compra, lava e descasca, remove a casca. As batatas pensam: “Agora estamos unidas”. Ainda não! Em seguida, corta-as em pedaços e coloca-as em uma panela. Elas já perderam sua identidade e acreditam que estão prontas. Ainda não! Porque o que Deus quer é purê de batatas. Aos poucos são amassadas e ninguém pode dizer: “Olha, este sou eu!”. A Palavra “eu” é substituída pela palavra “nós”.

Que processo difícil e doloroso é perder o individualismo e a soberba e a sua identidade ser transformada numa única massa consistente e única. Assim nasce uma igreja!

Pr. Luiz Roberto e Loide

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here